Publicado por: vanessakazevedo | 13 de novembro de 2015

Semana Nacional de Ciência e Tecnologia 2015 exposição “Água na vida, vida na água” na Ilha do Fundão.

0

Por Vanessa Azevedo

No ano de 2015 o Laboratório de Limnologia da UFRJ desenvolveu duas exposições uma na Ilha do Fundão e outra em Macaé (Para saber da exposição em Macaé: https://limnonews.wordpress.com/2015/10/29/limnologia-na-semana-nacional-de-ciencia-e-tecnologia-2015-um-relato-da-exposicao-vida-na-agua-agua-na-vida-em-macae/)

Esse texto relata a exposição na Semana Nacional de Ciência e Tecnologia (SNCT) na Ilha do Fundão. Participaram no total 14 alunos de graduação e 10 alunos de pós-graduação, envolvidos na elaboração da exposição e também na monitoria durante a exposição.

A proposta do tema pelo Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI) foi Luz, Ciência e Vida, sendo o subtema na UFRJ “Big Bang”: luz, energia e vida. A realização da SNCT foi de 19 a 25 de outubro. O laboratório de Limnologia apresentou a exposição “Água na Vida, Vida na Água”.

O desafio da construção da exposição didática foi relacionar o tema “Big Bang”: luz, energia e vida com a limnologia. Porém, tivemos um bom resultado pois no total obtivemos uma exposição com quinze atividades, sendo oito desenvolvidas pela primeira vez especialmente para a exposição.

A baixo apresento a relação das atividades desenvolvidas:

  1.  Atividade Lúdica “O valor real das coisas” – trabalha gestão da água;
  2. Oficina de pintura dos organismos presentes na gota d´água e elaboração de coroa;
  3. Carimbo de água;
  4. Molécula de água comestível feita com jujubas;
  5. Distribuição de material didático ao professor;
  6. Observação de organismos ao microscópio;
  7. Instalação de lagoa;
  8. Bingo da Vida, relaciona diferentes vertentes da origem da vida;
  9. Fala sério ou com certeza, trabalha com conceitos de evolução;
  10. Dominó, trabalha com opostos na gestão das bacias hidrográficas;
  11. Atividade de representação da bacia hidrográfica por meio de desenho;
  12. Atividade sobre a turbidez da água utilizando disco de Secchi;
  13. Representação de uma lagoa (Aquário) e observação de macrofitas aquáticas;
  14. Exposição da maleta do Limnólogo;
  15. Exibição de vídeos. Um especificamente foi desenvolvido por membros do laboratório contando um pouco sobre a rotina do Laboratório de Limnologia.

A exposição também contou com uma atividade de exposição de peixes que faz parte da proposta de integração deste laboratório com o Laboratório de Ecologia de Peixes.

No Laboratório de Limnologia as atividades de planejamento começaram meses antes da exposição

No Laboratório de Limnologia as atividades de planejamento começaram meses antes da exposição

Um pouco mais sobre as novas atividades

– Atividades infantis: Além das atividades que já vem sendo feitas nos anos anteriores (molécula de água com jujuba e palito, carimbo de gota, e “Coroa” com os micro-organismos), foi feita uma oficina de massinha que utilizou micro-organismos em biscuit  como modelo para a confecção de zooplânctons e fitoplânctons pelos alunos;

Atividades infantis e oficina de massinha.

Atividades infantis e oficina de massinha.

– “Bingo” e “Fala sério ou com certeza”: foram jogos interativos que atendiam a estudantes do ensino médio e tinham como objetivo abordar assuntos de evolução.

3

– Aquário: trabalhou a parte sensorial para além da visão, como a audição (CD lagoas com sons de água como forma de climatizar o ambiente) e o tato, os alunos podiam tocar as macrófitas sentir as diferentes texturas. Também havia peixes no aquário e uma margem com a representação de um rio, onde se englobava o tema acerca de bacias hidrográficas.

4

– Disco de secchi: para esta atividade foi recolhida água do ar condicionado (com uma média de 60 litros por semana), e também pó de café usado, para fazer três gradientes de “substâncias húmicas” para relacionar a penetração de luz na coluna d’água e a consequência disso para o ecossistema. Também foi abordado o tema sobre a coloração da água e poluição da água, relacionando que nem sempre a água mais clara é a menos poluída. Foi utilizado CDs para confeccionar discos de secchi como uma lembrança e instrumento pedagógico para os professores de ciências.

Sem título

– Dominó: trabalha os opostos como pro ex. tratamento de esgoto e esgoto in natura, trabalhando impactos e gestão de bacias hidrográficas por meio de atividades interativas.

6

– Atividade pedagógica de Bacia hidrográfica: utilizando uma folha de amendoeira, giz de cera, e uma folha de papel era feita a impressão da folha de amendoeira na folha de papel e as nervuras das folhas representavam uma bacia hidrográfica e se mostrava ao estudante as partes da Bacia e sua implicância para a sociedade.

7

– Vídeo: membros do laboratório gravaram um vídeo com o objetivo de integrar as pesquisas que estão sendo realizadas no laboratório com a exposição.

8

-Maleta do Limnólogo: exibição de materiais de campo, como: disco de secchi, draga de sedimento, rede de zooplâncton e garrafa Van Dorn para as coletas dos organismos estudados no laboratório.

O inovador na SNCT de 2015 foi à integração entre os alunos, principalmente os de graduação, a mobilização de todos para superar os limites de tempo e financeiro para desenvolver as atividades. Esse foi o resultado do espaço que os foi dado pelos professores para apresentarem as suas propostas, ideias, e executá-las.

Stand da exposição

Stand da exposição “Água na Vida, Vida na Água”

A exposição Água na Vida, Vida na Água obteve 2518 visitantes contabilizados sendo em sua maioria estudantes de ensino fundamental e médio de escolas públicas.

Foi enviado um questionário por meio eletrônico para os monitores da SNCT, que tinha como objetivo avaliar a exposição quanto a sua elaboração e execução. Oito monitores responderam. Seis já haviam participado de edições anteriores da SNCT. Quanto aos pontos positivos da exposição foi apontado: o planejamento e a colaboração do grupo; o desenvolvimento de novas atividades que interagiam com o público de diferentes idades.

Desde a proposta inicial da exposição havia um objetivo de não mostrar a ciência como algo pronto e acabado, mas como um conhecimento que é resultado de pesquisas, para isso se pensou em englobar as pesquisas em andamento no laboratório. Na visão dos monitores esse objetivo não foi alcançado em sua totalidade, um dos motivos é a dificuldade de se fazer tal ação, pois o conhecimento científico é muito complexo e durante a exposição é preciso fazer uma simplificação dos conteúdos científicos. Em contrapartida os monitores consideram que as novas atividades, como a do secchi e o vídeo dos membros do laboratório fazendo pesquisas, trazem uma nova perspectiva de ação da pesquisa.

Os monitores em sua maioria acreditam que sua participação foi ativa na elaboração e na execução da exposição. E quanto à colaboração para a sua formação, todos disseram que a participação contribuiu de alguma forma, por exemplo: na transposição didática de conhecimentos científicos; interagindo com diferentes grupos; no entendimento de que a ciência não está nas mãos dos cientistas, mas sim com todas as pessoas; incluindo na divulgação de sua própria pesquisa para um público escolar e de que forma esse conhecimento poderia fazer sentido para a população. E também que a participação na SNCT despertou o interesse pela educação no país e querer vivencia-la buscando formas de maior contribuição para a mesma.

A exposição apareceu em duas matérias uma para o canal online do Tele Jornal da UFRJ (TJUFRJ) e outro para a TV Brasil e na página do Instituto de Biologia da UFRJ. Link para os vídeos:

https://www.youtube.com/watch?v=Epewr4CN0lY

https://www.youtube.com/watch?v=rk8tfIHuOCs#t=40

http://www.biologia.ufrj.br/semana-nacional-de-ciencia-e-tecnologia/

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: